sexta-feira, 28 de maio de 2010

O Signo Ascendente

O signo Ascendente é o início da casa 1. Para saber qual o significado do seu, leia esta matéria.

O ascendente corresponde ao signo que estava subindo na linha do horizonte no instante que uma pessoa nasce. Por carregar o simbolismo do nascer do Sol, ele representa o primeiro impulso da personalidade.

Se você já sabe seu ascendente, veja o que ele significa:

Áries
Leão
Sagitário
Touro
Virgem
Capricórnio
Gêmeos
Libra
Aquário
Câncer
Escorpião
Peixes

Ascendente Áries
Oriente-se com segurança
Stela Brito - Astróloga

Quando você, que tem Ascendente Áries, sentir-se apático, saiba que tal desmotivação se deve ao fato de você não estar acionando a tônica desse signo que se erguia no horizonte no momento do seu nascimento.

Saiba que você tem que se aventurar internamente em busca do seu próprio ouro. (Leia os dois mitos para o signo de Áries, o do carneiro Crisômmos e o dos Argonautas). Você que tem Ascendente Áries precisa saber que, qualquer que seja o motivo de sua desorientação ou do seu desânimo, o que vai orientá-lo e acender novamente sua chama é deixar-se tocar pela tônica ariana, que implica em mostrar-se espontâneo, ousado, confiante, aventureiro, entusiasmado e vibrante.

Quando você não expressa essas qualidades, pode desenvolver doenças ou se mostrar agressivo, ríspido, explodindo em freqüentes ataques de impaciência e raiva. Disponha-se a olhar a vida de forma mais franca e direta. Ouse colocar em prática seu mais novo projeto, arrisque-se na aventura daquela viagem dos seus sonhos. Dê asas à sua espontaneidade! Exercite-se fisicamente, dance, tome banho de sol, dinamize sua vida. Contagie os outros com seu entusiasmo e com a chama da confiança. Acenda cada dia, no seu coração, essa vibração pela vida.



Ascendente Touro
Oriente-se com objetividade

Quando você, que tem Ascendente Touro, sentir-se apático, saiba que tal desmotivação se deve ao fato de você não estar acionando a tônica desse signo que se erguia no horizonte no momento do seu nascimento.

A sinalização taurina lhe conduz a orientar-se buscando ser objetivo, persistente e tenaz. Nada melhor, para quem gosta de resultados concretos e práticos, do que a objetividade em tudo aquilo que está para produzir. Esse é um dos caminhos que lhe garantem segurança e estabilidade. Por isso, preste atenção na forma como vai se colocando nas situações. Nada de pressa. Planeje com cuidado e trabalhe de modo sistemático. Vá devagar, mas cuidado com a indolência. E esteja aberto para as necessárias mudanças de tática, de percurso ou de hábitos: é preciso aprender quando segurar uma coisa, mas é sábio encontrar a hora de soltá-la.

A tendência à estética e a motivação pelo prazer e conforto, levam-no a abordar a vida de forma muito física e sensual. Essa sensibilidade terrena acarreta forte necessidade de segurança, estabilidade material e, também, afetiva.

É ainda essa sensorialidade que torna as pessoas com Ascendente Touro tão propensas ao desejo do contato físico e a se relacionarem de forma amável e afetiva.

Se você não está desenvolvendo as qualidades inerentes ao Ascendente Touro - ser objetivo, tenaz, prático, produtivo, sensível e afetivo, apreciar o belo, o conforto e os prazeres físicos, pode sentir-se desalentado e frustrado. É hora de guiar-se pela sinalização taurina: oriente-se objetivamente buscando seu conforto e prazer. Porém, esteja atento porque o apego ao que é terreno e, portanto, material, pode levá-lo ao desejo constante de ter e ter sempre mais. Isso leva ao acúmulo e, conseqüentemente, à acomodação. Você vai se apegar ao que possui.

Aí é chegado o momento de aprender com os outros. Através dos relacionamentos você vai aprender a enxergar que existe algo além da sua realidade cotidiana. "Perder faz parte do jogo". As perdas sempre levam a uma transformação interior. Por isso não tema perder, não tema as mudanças. Certamente, elas trarão novas perspectivas para sua vida. E você poderá vivenciar, do seu jeito calmo, paciente, porém firme e objetivo, novas experiências enriquecedoras.


Ascendente Gêmeos
Sintonia com a palavra

Por que? O que é isso? Como funciona? Para que serve? Quem inventou? Onde fica esse lugar?

Ah! eu sei. Já li sobre isso, já tomei conhecimento, não é novidade para mim!

A curiosidade, a mobilidade de pensamento e a capacidade de percepção e assimilação são qualidades do signo de Gêmeos. E você, que tem Gêmeos no Ascendente, deve acionar essa tônica sempre que se sentir desmotivado e apático.

Utilize a facilidade que tem de expressar-se em todos os níveis, de discorrer de um assunto para outro, para entrar em sintonia com seu Ascendente. Misture-se. Você tem a aprender com "reis e plebeus". E a ensinar também. E não esqueça da lição geminiana de que tudo está relacionado. Por isso, é importante unir os opostos, para que nada se perca. Você sabia que o mito que simboliza o signo de Gêmeos conta a história dos irmãos Castor e Pólux? Esses dois irmãos eram ligados por uma grande amizade; eram inseparáveis. Castor representa o lado material e Pólux o lado espiritual. São coisas opostas, é verdade, mas se complementam numa pessoa.

Está aí um questionamento que você deve fazer a si mesmo: "estou unindo esses dois lados em mim, ou estou a desenvolver somente um e esquecendo do outro? Estou me expressando na vida abraçando tendências opostas, mas que de fato se complementam e podem ser unidas? Ou estou a ver apenas um lado da questão?"

Para orientar-se bem, você precisa sair do fragmentado mundo em que sua mente vagueia para buscar uma integração entre as coisas.

A facilidade que você tem de, mentalmente, separar as coisas e depois juntá-las novamente o leva a buscar sempre diversas alternativas e possibilidades para tudo. Sua mente está sempre inquieta. Essa inquietação é boa, mas não exagere, porque pode gerar divisão ao invés de integração e complementação. Pesquise, estude, aprenda mas não esqueça de dar um direcionamento a seu aprendizado.


Ascendente Câncer
Oriente-se com a memória

Você precisa lembrar que é de sua natureza a introspecção e a necessidade de intimidade. É por aí que você começa a orientar-se. Não se aflija, é assim mesmo. Primeiro, você precisa se ambientar com o lugar, com o fato ou pessoa, para só depois ir se mostrando, se apresentando, se colocando com toda sua sensibilidade e tenacidade. E por falar em tenacidade... tal qual o caranguejo faz com suas garras, você não solta facilmente o que segura. Essa tenacidade faz você agarrar-se aos seus sentimentos, opiniões e racionalizações, dando-lhe a convicção de saber o que é melhor para você mesmo.

Verifique nos momentos difíceis, em que se sente desorientado, se você está ou não seguindo a sinalização canceriana de deixar-se guiar por seus sentimentos e convicções.

Saiba, também, que para acender a estrela do seu Ascendente, você tem a considerar que, apesar da inicial timidez e do seu constante senso de auto-proteção, você não deve viver entocado na sua concha protetora. É bom respeitar seu ritmo e sua cadência, é verdade, mas não tema tanto perder a segurança do seu abrigo. De vez em quando é preciso se desentocar, porque é chegado o tempo de sair ao sol.

Outra coisa: oriente-se e deixe-se guiar por sua intuição. Ela o fará mais sincronizado com as pessoas certas, os momentos e os lugares certos. Mas lembre-se de não se deixar esmagar por sua sensibilidade. Encontre os meios adequados para usá-la em seu próprio favor, expressando-a de forma criativa e artística.

E tem ainda outra orientação básica: é a sintonia com suas antigas lembranças. Pois é, não adianta tentar fugir das lembranças do passado. O melhor mesmo é recompor essas recordações, olhar os álbuns de fotos antigas da família e resolver fechar as questões emocionais. Cicatrizar as feridas do passado significa livrar-se de fardos emocionais, que só nos impedem de viver melhor no presente. Administre sua sensibilidade e emoções para viver melhor no presente para que, no futuro, possa ter boas lembranças do passado.


Stela Brito é astróloga, integrante da Companhia das Estrelas, em Pernambuco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário